Grito Número Cento e Setenta e Quatro:

segunda-feira, 18 de junho de 2012

MEU CORAÇÃO É QUALQUER COISA

Eu poderia dizer que meu coração é algo simples ou incrível.

Existem milhões de metáforas legais que eu poderia usar.

Mas meu coração é só víscera, um punhado de carne.

Eu te amo e ponto final, sem metáfora, simples assim, como o amor deve ser.

3 comentários:

Iguimarães disse...

Foda, assim como deve ser!

Monique Burigo Marin disse...

Gosto dos amores que vão além do ponto e se transformam em reticências...

(Adoro esta foto :)

Matthew Cordoba disse...

É muito bom que pessoas assim, como você, estejam dispostas a escrever sobre os sentimentos. Eles são confusos, um emaranhado. E você nos permite entrar nesta confusão e sentir um pouquinho só do que você sente. Parabéns.